Evite um AVC. Check seu pulso.

Evite um AVC. Check seu pulso.

A campanha de prevenção do Acidente Vascular Cerebral da Associação Brasil AVC deste ano tem como objetivo educar a população e os profissionais da rede básica de saúde de Joinville sobre como suspeitar e reconhecer, através da checagem do pulso periférico, uma arritmia cardíaca, sendo a procura para detecção e diagnóstico da Fibrilação Atrial (FA).
As pesquisas, realizadas pelo JOINVASC (registro de todos os casos de AVC que ocorrem com moradores de Joinville), detectaram um aumento de 20% na incidência bruta de AVC isquêmico e que a letalidade, após 30 dias de AVC, subiu de 12 para 17% nos últimos 5 anos. Segundo os estudos, os motivos desse crescimento foram: a mudança do perfil dos subtipos de AVC isquêmico com aumento da etiologia cardioembólica, o envelhecimento da população e a piora da assistência pré e hospitalar. Por isso, se faz necessário investir na prevenção primária, com diagnóstico e controle dos fatores de risco (pressão alta, diabetes, dislipidemia, tabagismo, obesidade, entre outros) e também fazer a detecção da arritmia, com atenção especial para a Fibrilação Arterial, que é a principal causa de AVC cardioembólico.
Mas, será que seria possível ensinar a população a fazer a checagem do pulso e identificar possíveis problemas que, se tratados, evitariam um AVC? Um artigo publicado em julho deste ano provou que sim. Intitulado Peripheral pulse measurement after ischemic stroke: A feasibility study (Medida do pulso periférico após AVC isquêmico: um estudo factível) investigou a viabilidade e a acurácia diagnóstica da medida do pulso como um método simples e não invasivo para detecção da FA em pacientes após AVC isquêmico.
Os resultados foram muito positivos: 89% dos pacientes foram capazes de realizar o teste corretamente após treinamento, bem como seus cuidadores. A conclusão revelou que com baixo índice de falso positivo a medida do pulso se mostrou um método fácil, amplamente disponível e não invasivo. Para garantir a eficácia já comprovada do método, a campanha do AVC 2014 planejou uma série de ações envolvendo profissionais da área de saúde e a população. Nas próximas páginas, saiba mais sobre a FA, aprenda como checar seu pulso e veja quais ações foram realizadas com o intuito de prevenir o AVC.
Premiações
Em 2010, a Associação Brasil AVC, que funciona com o apoio da Clínica Neurológica e do Neurocentro, foi premiada, juntamente com a Academia Brasileira de Neurologia e a Rede Brasil AVC, como a terceira melhor campanha mundial com o tema “Um em cada seis pessoas terá um AVC, esta pessoa pode ser você”. E pelas ações realizadas em 2011 com o mote “AVC… Eu me importo” recebeu, juntamente com as demais entidades listadas anteriormente, durante o Congresso Mundial de AVC, o prêmio de primeiro lugar pela campanha realizada no Brasil, prêmio este oferecido pela World Stroke Organization.

Deixe uma resposta