Cuidados com a alimentação e a comunicação

Home / Artigos / Cuidados com a alimentação e a comunicação

Cuidados com a alimentação e a comunicação

  • Permanecer sentado ou de pé durante 30 minutos após cada refeição.
  • Alimentos bem cozidos são mais fáceis de serem deglutidos. Evite folhas verdes e alimentos muito secos que podem ocasionar engasgos.
  • Tomar líquidos com canudo ou colher é mais prudente.
  • Respeitar as opções e desejos alimentares dos pacientes, pois estes também têm suas preferências, aumentando o volume e melhorando na aceitação do alimento a ser ingerido.
  • No caso do paciente estar usando outra via de alimentação (sonda oral ou gastrostomia) como única forma, este não deverá ser alimentado por via oral sem uma avaliação prévia da fonoaudióloga ou do médico assistente. A consistência da dieta também será determinada pela fonoaudióloga.
Cuidados na alimentação Cuidados na Alimentação

Incentive o paciente a comer sentado, sem ajuda e devagar. Manter a cabeça levemente inclinada para frente, para baixo e olhando para o prato. O paciente, durante o momento da alimentação, deve estar alerta, consciente e concentrado. Retire qualquer estímulo que o distraia como televisão, rádio, mais pessoas no ambiente e não alimentá-lo perto da janela.

 

Cuidados durante a comunicação

Evitar visitas em grupo no período inicial e mais crítico da doença. O paciente pode apresentar dificuldades ao falar, demonstre tranquilidade ao ouví-lo. Comunique-se face a face, evite comunicar-se em ambientes ruidosos, que prejudicam sua atenção e concentração.

 

Cuidados na Comunicação
Auxiliar na alimentação Auxiliar na Alimentação

Se necessário auxílio do cuidador, este deverá alimentar o paciente bem acordado, em posição sentada e, colocando-se à sua frente. Introduzir o alimento com uma colher (tamanho sobremesa) bem no centro da língua, em pequenas quantidades.

 

Higiene Bucal

Após a alimentação deve-se realizar a higiene oral de forma eficiente, eliminando os resíduos alimentares da boca, língua, dentes e bochechas. Paciente com outro tipo de alimentação deve realizar higiene oral três vezes ao dia.

 

Higiene Bucal

Não é necessário falar em voz alta. Sua audição está preservada. A não ser em casos de deficiência auditiva prévia. Frases curtas e simples evitam confusão e desatenção. Palavras isoladas são de melhor compreensão.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.